Três maiores tendências tecnológicas para o varejo

Comentários (0) Destaque Home, E-commerce, Inovação, Tecnologia

Por Marcelo Coleta

Nem 100% online, tampouco completamente presencial. Essa é a nova realidade do setor varejista que, nos últimos anos e, principalmente impulsionado pelo isolamento social, transformou seu modelo de negócios com estratégias que abrangem os mais diferentes perfis de consumidores. Em ambos os modelos, digital e físico, a tecnologia se tornou uma importante aliada para o funcionamento e destaque dos lojistas, trazendo soluções modernas e importantes tendências a serem investidas pelos negócios.

Muito além de uma necessidade, a tecnologia de ponta se tornou um grande diferencial competitivo para os varejistas – trazendo benefícios de otimização dos processos administrativos e financeiros, redução de custos e, principalmente, uma visão mais clara dos processos internos para uma tomada de decisões mais assertiva. Isso sem falar na experiência do cliente, que tem aumentado cada vez sua interação direta com a tecnologia. Afinal, uma melhor análise dos dados de compras e histórico dos seus clientes permite um atendimento personalizado e individual, com ofertas direcionadas às suas preferências.

Toda jornada de compras deve levar o digital em consideração. Segundo um estudo da PwC, 50% das compras efetuadas em lojas físicas são influenciadas pela internet – um grande impacto no volume de vendas. Neste cenário, veja as maiores tendências que certamente irão contribuir para o alcance de resultados cada vez melhores:

#1 Internet das Coisas: o conceito de IoT representa uma enorme rede de dispositivos conectados do nosso dia a dia – voltados principalmente para a união de objetos físicos com a internet, como o GPS. No varejo, a tecnologia é muito voltada para a otimização e gestão dos processos internos, aperfeiçoando a logística, estoque e todo o processo de compras. Com grandes benefícios já sentidos, muitos investimentos vêm sendo feitos para que a Internet das Coisas também chegue aos clientes finais, permitindo uma conexão com os eletrodomésticos e aparelhos das suas residências para geração de compras automatizadas.

#2 Plataformas online: a comodidade de poder comprar produtos e serviços no conforto de nossas casas e, quando preferirmos, foi um dos principais benefícios que contribuiu para o crescimento do e-commerce. Mesmo com a retomada do comércio físico, os avanços tecnológicos deverão impulsionar ainda as vendas on-line, tornando este canal cada vez mais representativo no setor varejista – contribuindo, até mesmo, para as vendas nas lojas físicas para aqueles que preferem a experiência sensorial.

#3 Meios de pagamento digitais: a popularidade das plataformas online impulsionou o desenvolvimento dos meios de pagamento digitais que facilitassem e otimizassem a jornada de compra. Soluções como o Pix, carteiras digitais e pagamentos por aproximação são alguns dos maiores exemplos que cresceram significativamente em 2021 e que, certamente, deverão ser acompanhados pelos varejistas este ano, garantindo que esses e outros meios possam ser utilizados em todos os canais de vendas.

O futuro do varejo nos reserva um mundo de oportunidades de inovação e novas tecnologias – desde o fortalecimento da integração entre os canais de vendas física e online, ao surgimento de modelos de negócio que favoreçam o relacionamento com os consumidores e tragam uma melhor experiência em sua jornada de compra. Para atingir tal nível de otimização e sofisticação, contudo, é necessário preparo.

Um bom sistema de gestão é extremamente recomendado para o setor varejista, de forma que permita um melhor gerenciamento dos processos internos e, consequentemente, traga robustez e compliance para o negócio. A tecnologia permanecerá impactando e trazendo soluções cada vez mais completas para o crescimento do varejo – o que exigirá que o setor esteja preparado para acompanhar esta evolução e ter velocidade para modelar seu negócio a estes novos formatos de vendas e atendimento aos clientes.

Por Marcelo Coleta

Marcelo Coleta é diretor da unidade Seidor Retail, empresa dedicada ao fornecimento de soluções tecnológicas na área de consultoria de software e serviços de TI para o segmento de varejo.

Sobre a Seidor
A Seidor é uma empresa dedicada ao fornecimento de soluções tecnológicas na área de consultoria de software e serviços de TI, inovação, estratégia, infraestrutura, desenvolvimento e manutenção de aplicações on-demand, cloud computing, IoT, entre outros. Com mais de 30 anos de experiência e um volume de negócio anual de mais de R$ 3 bilhões e mais de 6 mil profissionais na Europa, América Latina, África, Oriente Médio e nos EUA, a empresa possui alianças estratégicas com os principais e maiores desenvolveres internacionais de tecnologia. No Brasil, possui escritórios em São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Vitória, Goiânia e Recife, contando com mais de 1 mil profissionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pin It on Pinterest

Share This