Live Commerce cria ponte entre espaço virtual e físico

Comentários (0) Artigos

Por Ronald Bragarbyk*, Country Manager da CM.com

Em um mercado dinâmico como o do e-commerce, é preciso estar atento todos os dias às novidades que surgem. Oferecer uma experiência totalmente personalizada para os seus clientes atuais e também para os potenciais pode ser uma ótima aposta.

Para quem utiliza a estratégia de negócios omnichannel e oferece diferentes canais de comunicação simultâneos e interligados, existem diferentes métodos de vendas que podem ser colocados em prática. Com baixo ou alto investimento, há recursos que permitem que o seu produto ou serviço chegue para um número cada vez maior de pessoas.

Pouco explorado, mas com muito potencial, o live commerce é um caminho excelente para o crescimento da empresa, além de beneficiar os clientes com a criação de uma experiência de compra significativa. Uma pesquisa realizada pelo Reclame Aqui mostra que 66% dos usuários que assistem a vídeos de uma marca ganham a confiança necessária para fechar uma compra. Com o intuito de estreitar a relação entre online e offline, essa modalidade chegou para remover mais uma barreira e aumentar a transparência na hora da venda. Assim, é possível fornecer recursos de confiança e estreitar os laços entre clientes e empresas.

Em uma loja de roupas, por exemplo, a transmissão ao vivo pode ser realizada por meio de mídias sociais, aplicativos e até mesmo por sites. É um meio de humanizar a venda e garantir que o cliente tenha um ambiente imersivo com pessoas reais vestindo a roupa que deseja e até mesmo uma forma de interagir com respostas instantâneas dos espectadores. Você também pode oferecer um cupom de desconto exclusivo para os participantes ou mostrar em primeira mão a nova coleção.

O vídeo tem o poder de aprofundar as conexões e impulsionar as vendas. Neste cenário, os usuários podem comprar dentro da experiência, ou seja, os lojistas podem indicar páginas relevantes para ajudar na decisão de compra.

A transmissão ao vivo é capaz de intensificar as interações e é um excelente marketing por diversos motivos. Em primeiro lugar, esta ação cria um experimento de vendas sem etapas. Em segundo lugar, as pessoas estão cada vez mais concentrando suas compras em lojas online, inclusive adquirindo itens que jamais pensavam em comprar pela internet. Além disso, as compras ao vivo estabelecem confiança entre o cliente e o lojista, e pode ser um excelente recurso em datas estratégicas como Dia das Mães, Black Friday e Natal. 

Com isso, você pode vender produtos diretamente do aplicativo escolhido, interagir instantaneamente com os espectadores e com clientes em potencial em tempo real, além de salvar seus conteúdos para que os outros usuários possam continuar comprando produtos em destaque após a transmissão ao vivo. 

As marcas que investem nesse formato e, ao mesmo tempo, têm a omnicanalidade como premissa para sua atuação, são capazes de potencializar suas ações de live commerce por meio de interações em canais diversos, como o Messenger, do Facebook, o inox do Instagram e até WhatsApp. De maneira simultânea, é possível manter contato com um grande número de clientes, tirando dúvidas, reforçando atributos e, principalmente, personalizando e humanizando ainda mais a comunicação.

Mais do que aumentar as vendas, a combinação de live commerce e interação omnichannel é uma forma importante para a geração de insights e aprendizados, que contribuem para que a marca tenha uma comunicação relevante com o cliente de forma perene.

Sabemos que o live commerce não é uma réplica exata da experiência de compra na loja, mas em um mundo cada vez mais conectado, por que não abrir esse canal de diálogo?

*Ronald Bragarbyk é country manager da CM.com no Brasil. Com mais de 20 anos de experiência no mercado de tecnologia da informação (TI), Bragarbyk já foi Sales Team Leader da Infobip, e teve passagens pela Aivo, Teleopti, GVT, Itaú e Teleperformance Brasil.

CM.COM – RONALD BRAGARBYK – FOTO: GABRIEL REIS www.gabrielreisfoto.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pin It on Pinterest

Share This