Branding: como fazer uma boa gestão da sua marca

Comentários (0) Gene Explica

Você sabia que o seu sucesso não depende exclusivamente do produto ou serviço que você vende? Já parou para analisar qual o motivo que leva uma empresa a ser lembrada e querida pelo seu público no mercado? Sabia que uma dessas respostas está no Branding? Mas afinal, o que é isso e para quê ele serve no seu negócio?  

1. O que é branding?

Branding significa exatamente gestão de marca. Ou seja, é o termo que designa o processo de gestão de uma marca. Compreende, portanto, o gerenciamento de uma série de procedimentos que viriam desde a sua concepção, colaboraria para sua construção de imagem e seriam permanentemente gestadas para uma constante manutenção da marca no mercado.

2. Qual a importância dele para a sua empresa?

A importância do branding para uma empresa está no fato de que uma boa gestão de uma marca permite criar um valor agregado à marca, em termos de conceito de marca (significados que o público associa à marca e com os quais se identifica) e que pode também se refletir em valor monetário, possibilitando que a marca valha mais no mercado.

3. Como fazer um branding na sua empresa?

Não há uma receita pronta ou um caminho exato a ser seguido. Mas um bom início é começar criando um logo que represente visualmente a marca, assim como projetar um conceito de marca que traduza os principais valores com os quais a marca deseja ser atrelada e enxergada. Feitas essas primeiras decisões, uma gestão de marca exigirá um pensamento estratégico constante de ações de aproximação e relacionamento com os públicos de interesse. Pode ser por meio da publicidade em mídia tradicional, do trabalho de produção de conteúdo para uma presença digital constante da marca, de ações de ativação de marca que promovam experiência, etc. Enfim, lançar mão de ferramentas que ajudem a construir, comunicar e manter o posicionamento da marca na mente do target.

4. Quais os cuidados na hora de fazer, no entanto?

Um dos pontos de preocupação é entregar uma comunicação de marca que, ao mesmo tempo que reflita os valores da marca, também converse com o público-alvo: por isso importância, por trás, de um estudo de brand e buyer persona.

5. Qual deve ser o propósito do branding para sua empresa?

Sobretudo, garantir que a imagem que o mercado-alvo de interesse da marca tem dela equivalha ao posicionamento desejado pela marca. Em outros termos, ser efetivamente vista como a marca deseja ser vista seria a equação mais perfeita.

6. Qual a diferença entre branding e marca?

Marca é um ativo de uma empresa, identificado por um nome e símbolo, mas é também muito além disso: é todo o universo conceitual construído em seu em torno e que ela mobiliza. Já o branding é o trabalho de gestão disso tudo, de gestão da marca.

7. O que a empresa deve levar em consideração na hora de se fazer o branding?

Consistência entre os valores da marca e suas mensagens.

8. O que existe de novo quando falamos em branding hoje?

Há uma série de “braços” do branding que vêm crescendo, como: branding sensorial (acionamento, pela marca, de um ou mais dos cinco sentidos); sound branding (produção de som exclusivo para uma marca); e music branding (programação musical para a marca, por exemplo, para o ponto de venda).
_

FONTE /// Dra. Fernanda Elouise Budag, professora de Branding da Universidade São Judas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pin It on Pinterest

Share This